quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Diretoria definida! E treinador também. E estamos chegando na Timemania!

Em reunião realizada ontem no bar Funilaria, foi definida a diretoria do Consulado para 2010:
Cônsul: Guilherme Molin
Vice cônsul: Leonardo Viccari
Tesoureiro: Cassio Cons
Secretária: Mariana Marchioro
Logística: Fernando Bassanesi
Assessores: Pablo Cavalcanti, Fernando Frizzo, Ricardo Pelisoli, Rudimar Schreiber Jr., Fabio Berti e Leonardo Poletti.

Também foram discutidas as prioridades para 2010 e se começou a dividir o trabalho para esse ano que promete ser difícil. Porém, a galera já mostrou competência e o limão vai virar caipirinha.

Hoje, foi anunciado o nosso novo (e espero que único) treinador para 2010: Osmar Loss, que vem da base e do time B do Internacional com um currículo muito bom. Força, Osmar. O Consulado está contigo.

Recomendo a todos que dêem uma lida no blog ca-JU na rede. O último post ("Chegou o comandante") traz ótimas referências sobre nosso novo treinador.

Na Timemania, menos de 7 mil apostas nos separam do 20º lugar! Aposta Papo!! Vamos chegar lá!

Dá-lhe PAPO! O maior do Interior!

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Novo Presidente!!

Em primeira mão: Milton Scola é o novo presidente Alviverde!

Na contagem de votos, aperto: 64x56.

Sorte ao nosso novo comandante. Amanhã começa uma nova era. Os de fé nunca saíram do teu lado, e continuarão, mais fortes do que nunca.

Dá-lhe PAPO!!!

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

A Fênix ressurgirá... e nós estaremos junto.

Aos que nos acusam de arrogância por sobrevalorizarmos nosso clube, respondamos apenas com desprezo. Aos que duvidam de nossa capacidade, aproveitem para se divertir enquanto há tempo, pois vamos nos reerguer, e em menos tempo do que possam apostar. Nossa história é feita de muitas conquistas, como bem refere nosso hino – “és um clube de muitas vitórias” –, justamente por termos a grandeza de aprender com os equívocos e as ‘vacas magras’.

Eu acredito verdadeiramente no restabelecimento da ordem natural, apesar da profundidade dos ferimentos que sofremos, que ainda se tornarão cicatrizes para, então, desaparecerem no tempo. E esse tempo não será tão longo assim. Com a certeza de que vários dos grandes líderes alvi-verdes dos últimos 30 anos voltarão a remar na mesma direção, sob o comando de gigantes como Milton Scola e Marcos Cunha Lima, estou convicto de que a reviravolta será conduzida com a precisão necessária para o momento delicado. Destes, sim, podemos esperar dedicação e não deslumbramento; comprometimento, ao invés de desleixo; amor puro em vez de ... de ... bom, deixa pra lá.

A lição que ambos nos dão é absolutamente tocante, já que superaram ruídos no relacionamento pessoal em favor único do Esporte Clube Juventude. Esse exemplo nos dá a confirmação de que nós, Papos da Capital, carregamos conosco grande valor. Nascemos justamente no primeiro ano em que voltamos a disputar a Série B, após 13 anos no nosso verdadeiro lugar. E nos consolidamos em 2009, exatamente no pior período da história recente do clube. Nossa força também estará com os timoneiros do clube.

Aos que citei no primeiro parágrafo, mais um recado: a Fênix ressurgirá das cinzas, revigorada, pronta para os novos desafios e ávida por conquistas ainda maiores do que já ostenta.

Aproveito para desejar aos Papos da Capital exatamente o que anseio para o Ju em 2010: muitas alegrias!

Texto de Fabio Berti.

Lembrando que as chapas inscritas para a votação de amanhã são:

Chapa 1
Presidente - Milton Luiz Scola
Vice-Presidente - Geandro Elias Turcatti
Vice-Presidente Futebol - Juarez Ártico
Vice-Presidente Partimônio - Roberto Tonieto
Vice-Presidente Admin e Financeiro - Luiz Carlos Giotti
Vice-Presidente de Marketing - Mauro Trojan
Vice-Presidente Categoria de Base - Antonio Cumerlato

Chapa 2
Presidente - José Antônio Boff
Vice-Presidente - Gilmar Pedro Bampi
Vice-Presidente Futebol - Marcelo Porto
Vice-Presidente Partimônio - Agustinho José Silvestre
Vice-Presidente Admin e Financeiro - Adilson Pize
Vice-Presidente de Marketing - Roque Pedrotti
Vice-Presidente Categoria de Base - Maxmiliano R. Nora Filho

Lembrando também que hoje é aniversário do Bar Funilaria, nosso grande parceiro durante todo o ano de 2009. Parabéns!

domingo, 6 de dezembro de 2009

Eleito o novo Cônsul!

Pessoal,

Ontem à noite, no bar Funilaria, foi realizada a contagem dos votos, na presença dos dois candidatos, da comissão eleitoral e mais alguns membros do Consulado. Conforme esperado, o processo foi muito bem organizado pela comissão.

O vencedor (e, a partir de 01/01/2010, Cônsul) é Guilherme Molin, com 66% dos votos. Leonardo Viccari será o vice-cônsul (com 33% dos votos).


Na foto, os novos Cônsul e vice-Cônsul (segundo e terceiro, da esquerda para a direita), acompanhados da comissão eleitoral.

Os demais membros da diretoria serão nomeados antes do início da nova gestão, conforme exigido pelo Regimento Consular do E.C. Juventude. Boa sorte à nova diretoria, e que 2010 seja, antes de mais nada, um ano de continuidade ao excelente trabalho realizado em 2009.

Obrigado a todos que participaram do processo, seja organizando, votando ou de qualquer outra forma.

Dá-lhe PAPO!

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Zezinho vai para o Arsenal

Sim, o Pioneiro publicou hoje a notícia de que está praticamente certa a venda do craque Zezinho para o Arsenal.

Sinceramente, é óbvio que ele não ficaria muito tempo, assim como me parece óbvio que ele nunca ficaria para a disputa da Série C, pois é um jogador que tem muito mercado.

Como precisamos do $ para sanar as dívidas (pois somos, tradicionalmente, um dos clubes mais "em dia" do país, ao contrário de outras agremiações menores que se dizem sólidas mas nem estádio têm), acho que era o que nos restava mesmo.

As especulações falam de algo próximo aos 10 milhões de reais, limpo, para o Juventude. Exatamente o valor da nossa dívida.

É uma pena perder um jogador tão bom, de drible fácil, que verticaliza todas os lances, cria várias jogadas de gol e certamente tem muito futuro. Porém, a situação exige.

Boatos dão conta de que o nosso outro projeto de craque, o Gustavo, já despertou forte interesse de Milan e Juventus. Ao que tudo indica, será a bola da vez em 2010 para pagar as contas. Ainda bem que temos esta mina de ouro que é a categoria de base.

Sorte ao Zezinho, e que o Gustavo continue apresentando o bom futebol de sempre.

Dá-lhe PAPO!!

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Eleição Consular - Mandato 2010

Pessoal,

Como todos sabem, o mandato atual está chegando ao fim. O prazo das inscrições acabou ontem à meia-noite, e tivemos dois inscritos: Guilherme Molin e Leonardo Viccari. O candidato que tiver mais votos será eleito cônsul, e o segundo mais votado, vice-cônsul.

Lembrando o estatuto do consulado, para votar é necessário ser integrante do Consulado, ser maior de 16 anos e ser sócio do Esporte Clube Juventude.
A eleição realizar-se-á no Bar Funilaria, nos dias 4 e 5 (sexta e sábado) deste mês, das 18h30min às 20h30min.


Apesar dos ânimos estarem no chão, é importante lembrar a importância desta eleição. O cônsul eleito terá o mandato durante todo o ano de 2010, um ano que será de grande importância para o futuro do clube. Também é importante ter um quórum grande, para mostrar que estamos abatidos mas mais vivos que nunca.

Qualquer dúvida, sintam-se à vontade para entrar em contato comigo (papobassanesi@gmail.com).

Att
Fernando Bassanesi
Comissão Eleitoral
Consulado Juventudista em Porto Alegre

Almoço de aniversário e resultados do bolão

PAPADA!

No último sábado, 28/11/2009, o Consulado do E.C. Juventude em Porto Alegre comemorou seu primeiro aniversário, na sede social da APCEF, na capital gaúcha. Ocorreu um almoço tipicamente italiano, com galeto, polenta e massa, além de inúmeras atividades de integração, como futebol, escova, videogame, e o ponto alto da festa: o quiz sobre a história do E.C. Juventude, vencido com méritos pelo nosso amigo, guru, clone do Bob e profundo conhecedor da história alviverde, Fabio Berti, que levou uma camiseta oficial do E.C. Juventude.

Foi um evento maiúsculo, que todos aprovaram, e onde todos se divertiram muito. Este grupo de doentes pelo Juventude, mas acima de tudo, amigos, vai continuar firme e forte nessa jornada de apoio ao alviverde, e esperem um 2010 de ainda mais contribuição do Consulado.

Seguem algumas fotos do evento:




Mais para o final da tarde, ocorreu o momento trágico, que em nada combinou com esta festa, a fatídica partida contra o Guarani pela última rodada da Série B, obviamente acompanhada por muitos e guerreiros torcedores no Bar Funilaria. Com o término da rodada, foram computados os resultados do bolão do Consulado, e os vencedores foram:
1º Peli = 9 acertos, levou uma camiseta oficial do E.C. Juventude.
2º Rudi = 7 acertos, levou uma toalha de banho do E.C. Juventude e um conjunto de brindes (adesivos, postais, régua).
3º Gabriel = 4 acertos (após sorteio), levou uma toalha de banho do E.C. Juventude.

Os brindes deverão ser retirados com o blogueiro, em data e horário a combinar. Todo o valor arrecadado será endereçado para apostas da Timemania, tendo como time do coração o E.C. Juventude.

Dá-lhe PAPO!!!

domingo, 29 de novembro de 2009

Desolação: Guarani 2x1 Juventude. Estamos na C.

Olha, não tem muito o que escrever num dia como hoje, depois de tudo o que aconteceu este ano, exceto que eu tiro o chapéu para a galera que foi a Campinas e para quem teve culhão de se reunir, mais uma vez, apesar de tudo, para acompanhar o Juventude. Assim como a galera do Consulado, que mais uma vez esteve em seu reduto, o Bar Funilaria.

A desolação da Papada ontem foi grande. Mais um golpe duríssimo, que vem se unir a tantos outros que sofremos nos últimos 3 anos. Em 2010, jogaremos a série C do Brasileiro.

Continuamos na descendente. Até quando? Espero que até agora. Espero que o ano que vem seja o ano da virada.

Nem deveria fazer menção a isso, mas os secadores de plantão aqui do Estado que esperem. Estamos com sangue nos olhos, e a vingança virá, mesmo que tarde. Muitos acham que seremos presa fácil. Aguardemos.

Verde é a cor da esperança, e o ano que vem há de ser verde.

Abraço aos PAPOS.

Em breve, posts sobre o almoço de aniversário do Consulado e sobre o resultado final do Bolão.

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Fé, força e superação

Acredite!

Hoje vim trabalhar com a camisa do Juventude. Esteja onde estiver, tenho orgulho de ser Juventudista, não importa a divisão e a situação. E, em plena Porto Alegre, avistei mais um doente com a camisa. Não adianta, nunca te abandonaremos, na boa ou na ruim, sempre contigo.

Estamos com um pé e meio na C. 66% das combinações de resultados nos rebaixam. Mas uma coisa é quase certa: dependemos de nós. Ganhando o jogo, acho difícil não permanecermos na B. Acho que não vai acontecer outra rodada como a 37ª, onde TODOS os adversários venceram (exceto no confronto direto). Um empate de qualquer um deles nos serve, desde que ganhemos.

É hora de concentração total. Acredite! Vai dar.

Acredite assim como acreditou no jogo de volta da Copa do Brasil de 1999 contra o Fluminense, onde lotamos o estádio depois de tomar 3x1 no Rio, e empurramos o Verdão para um inesquecível 6x0.
Acredite assim como acreditou no jogo abaixo, no "campo" do co-irmão, onde, com um a menos, viramos o jogo pra cima da arrogância do adversário, impondo uma derrota justa e merecida.

Acredite assim como acreditou em 2008, na semifinal do Gauchão, onde precisávamos derrotar o GFPA no Olímpico, e assim o fizemos.

O Consulado Juventudista se reunirá para o almoço das comemorações de um ano. Informações no post abaixo. Após o jogo, o destino é o Bar Funilaria, onde torceremos (e sofreremos) muito junto com o nosso Verdão. Temos poucas chances, mas com garra eu sei que dará. E aí, se isso acontecer, meu amigo, a comemoração será grande.

Torça! Acredite! Ainda dá para salvar o ano, apesar de tudo!
E não esqueça da tua aposta na última rodada do bolão. Amanhã, após o jogo, os vencedores receberão os prêmios.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Aniversário do Consulado!

Boa Tarde

O Consulado Juventudista em Porto Alegre está comemorando 1 ano de existência. E por tudo que fizemos este aniversário merece ser comemorado de qualquer maneira.

O evento será realizado neste sábado, dia 28 de novembro, no ginásio da Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal, na Avenida Coronel Marcos, 627 (em frente ao Wizard Idiomas).
As atividades começarão às 10 horas, e são elas: futsal, campeonato de escova, campeonato de truco, videogame, quiz sobre o Juventude, quiz de conhecimentos gerais, e muitas outras atividades! Será cobrado pequenas taxas pelos campeonatos, com o valor convertido ao Projeto Timemania, mas tudo estará valendo brindes do JUVENTUDE!

O cardápio será temático:
Galeto
Polenta
Radicci
Massa al Sugo
Cerveja
Refrigerante

A valor da entrada será 15 reais, e o traje é a camisa do Juventude.

Após as festividades, a trupe se dirigirá ao bar Funilaria na José do Patrocínio assistir ao jogo contra o Guarani.

Quem tiver interesse, favor confirmar até o meio-dia de sexta-feira comigo, pelo email papobassanesi@gmail.com, ou com o Rudi no rudimar.junior@caixa.gov.br.

Levem seus amigos, familiares, namoradas, namorados, todos que torcerem ou simpatizarem com o nosso amado clube.
Atenção: levar talheres

Att
Fernando Bassanesi

terça-feira, 24 de novembro de 2009

Tu desististe? Nós não! E nunca desistiremos!

Estamos com um pé e meio na C. Não dependemos apenas das nossas forças. Mesmo que dependêssemos, quem aqui teria a certeza de uma vitória ou empate em Campinas?
Temos 75% de chances de cair para a C. A pressão é forte, e os resultados são poucos. Quem aqui está 100% otimista com uma vitória ou empate, e um deslize dos oponentes?
Nos últimos anos, várias foram as desilusões, as chances perdidas, os erros, os fiascos. Poucos foram os sucessos. Nenhum título. Quem aqui deixou de acreditar em dias melhores, torcer, incentivar, fazer o possível e o impossível para estar ao lado do Juventude?

Eu nunca deixei e nunca deixarei. Eu não deixei de acreditar. É difícil, mas dá. É difícil torcer para o Juventude, um clube que poucos consideram grande, muitos consideram médio, e está às portas de virar pequeno. É difícil torcer para um time que dificilmente ganha títulos. Mas nós não estamos aqui pelos títulos. Não estamos aqui pelas vitórias.

Estamos aqui por AMOR a este clube quase centenário, que muito orgulho já nos deu. Como eu costumo dizer, nós somos o Juventude.

Nossa história relata que diversas vezes fomos ao inferno, até uma fusão dos departamentos de futebol a gente fez com o co-irmão. Graças a Deus não fundimos também os patrimônios. Demos a volta por cima, como sempre aconteceu, e nunca deixamos de acreditar.

Quem não lembra da vaca indo pro brejo em 1998 com o gol do Christian na final do Gauchão, e a Papada arrastando o Juventude pra cima do Inter, até virarmos o jogo?

É a hora de virar o jogo. Temos uma ótima chance no sábado. Vençamos o jogo e tenho certeza de que um dos resultados paralelos virá. Se não der, não sei o que vai acontecer, mas tenho certeza de uma coisa: essa galera NUNCA vai te abandonar:


Essa galera vai estar contigo no INFERNO, e além dele se necessário. E, se tudo der errado no sábado, ano que vem estaremos em TODOS os jogos, mais presentes do que nunca, porque tu, Juventude, é uma doença sem cura, e nunca vão conseguir te arrancar das nossas veias.

Provavelmente vai ter excursão para Campinas. Quem puder, vá. O time, apesar de não merecer, PRECISA de nós. Quem estiver em Porto Alegre, a pedida é o Bar Funilaria. Vá, torça, sofra, grite, ACREDITE. Se não der sábado, renasceremos, como sempre aconteceu, e no ano que vem, dará.

Dá-lhe Papo! Dá-lhe PAPADA!

domingo, 22 de novembro de 2009

O Inferno: Juventude 1x3 Atlético-GO

Papada!

Inexplicavelmente, mais uma vez perdemos um jogo onde a expectativa era de vitória. Dentro de nossa casa, o Atlético começou fechadinho, até que dominou as ações e foi simplesmente mortal. Em três bobeiras gigantes da nossa defesa, tomamos três gols, e aí era quase impossível buscar.
Mesmo com o gol do Denner, duas bolas na trave e algumas boas defesas do goleirão do Atlético, não deu.

A Papada fez sua parte. Mais 24 mil pessoas (segundo o borderô) compareceram ao Jaconi e apoiaram, enquanto o time ajudou. Os Papos da Capital também fizeram a sua parte, organizando a tradicional caravana e apoiando o time em grande número. Claro que tinha vários secadores no Jaconi, mas faz parte. Nada melhor do que um futebol nas férias, como diria meu amigo Bassa.

De arrepiar: parte da torcida cantando o hino do Juventude após o jogo terminar. Isso é ser alviverde. Por isso que nosso time não acabará, e dará a volta por cima. Muitas pessoas chorando, quase que não acreditando em mais uma sessão de sofrimento, como muitas outras que ocorreram nos três últimos anos.

O Juventude tem, hoje, 75% de chances de ser rebaixado a série C. E isto é muito. Porém, resta nos apegarmos aos 25%. Se o Vasco, apesar de usar time reserva, vencer o Ipatinga, um empate em Campinas nos mantém na B.

Eu ainda não joguei a toalha. Ainda acredito. Espero que os jogadores se redimam de mais um fiasco e mostrem muita GARRA em Campinas. Não importa qual o resultado, a Papada não aguenta mais sofrer. Logo após o jogo, é necessária uma profunda avaliação, e uma limpa em todos os setores do Clube. Mas isso depois de darem o sangue em campo no próximo sábado. A Papada não espera menos do que isso.

Parabéns a Vasco, Ceará, Guarani e Atlético. Subiram com méritos. São os 4 melhores times da série B.

Dá-lhe PAPO!

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Juventude x Atlético-GO

Papada!

Sábado, 21/11/2009, 17h10, Caxias do Sul. Estádio Alfredo Jaconi. Juventude x Atlético-GO.
Todos os bordões são válidos. Agora é a hora! É não só o jogo do ano, mas da década! O Juventude depende de ti!

Papada, VÁ ao Jaconi. Pegue sua cortesia para acompanhante de sócio. Quem tiver condições, compre ingressos (sim, é só 2 pila). Leve aqueles amigos Papos que faz tempo que não vão ao Jaconi. Esqueça toda e qualquer picuinha que tenha se formado nos últimos 5 anos. Não interessa se caímos da A, não interessa para quem, quando e como perdemos qualquer jogo. Interessa, única e exclusivamente, o Juventude. Não interessa se vai ter secador. Não interessa se vai chover. Nada interessa. Só o Juventude interessa, só a vitória interessa.

Não é possível mensurar o que significaria uma queda para a Série C. Lá é lugar de time pequeno, sem história, sem títulos. NÃO é o nosso lugar.

Vamos criar um ambiente positivo, de muito apoio. Os jogadores entenderão e se doarão ao máximo nesta partida que é, como falei, a mais importante da década, e promete ser dificílima.



Quero o meu velho Jaconi de volta. Onde não importa qual o adversário, ele tremia. Quero a volta das longas séries invictas em casa (tá bom, isso pode ficar para o ano que vem). Quero VENCER sábado. Quero o Atlético sufocado, e o Juventude pressionando, sem descanso, até criar o resultado.

Não tem desculpa. Nunca te abandonaremos, ainda mais nessa hora. A caravana dos Papos da Capital sai de Poa sábado, no início da tarde. Vai ter van, ônibus ou muitos carros. Depende da quantidade de gente (que já está alta). Se você tem interesse em participar, envie um email para viccari.pdc@gmail.com

E lembrem-se: VOCÊS SÃO O JUVENTUDE.

Dá-lhe PAPO!

Parciais do Bolão

Galera!

Seguem as parciais do Bolão, após a 36ª rodada (já aplicados os critérios de desempate):
1º Peli: 4 acertos
2º Frizzo: 2 acertos
3º Rudi e Gabriel: 2 acertos
5º Tiago: 1 acerto

Quem ainda não apostou na 37ª rodada, tem até sábado às 15h para isso. Lembrando que as apostas são totalmente revertidas para a Timemania! A disputa pela camiseta e demais prêmios ainda está em aberto.

Quem achou o regulamento muito complicado, basta mandar para viccari.pdc@gmail.com os resultados dos seguintes jogos (lembrando que não precisa enviar o PLACAR, e sim o vencedor do jogo (ou empate)):

Bragantino x Brasiliense
América-RN x Ipatinga
Bahia x Guarani
Juventude x Atlético-GO

Uma aposta configura débito de R$10,00 com o Consulado, totalmente revertidos em apostas na Timemania. É permitido fazer quantas apostas quiser. No jogo de sábado eu recolho a grana da rodada anterior e desta.

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Eu, não!

Hoje de manhã cedinho, depois de automaticamente cumprir os primeiros compromissos – levar filho pra escola, enfrentar o trânsito de Porto Alegre, chegar ao trabalho e ler os emails do nosso grupo de discussões, parei por alguns segundos. Foram uns 20, 30, ou sei lá quantos. Realmente saí do ar.

Na retina, um tsunami verde; uma espécie de videoclipe de vibração da papada com gols do Mário Maguila de voleio, de cabeça do velho Kita, com cavadinha do Trellez, do Manzi dividindo com a zaga, com paradinha do Mendes; as imagens se seguiam com os contra-ataques pela direita do Cuca, os desarmes precisos do Lauro, as cobranças de falta do Dorotéo Silva, as arrancadas em diagonal do Capone, aquela entortada que o Maurílio dava no Lúcio ainda no Inter, o corredor pela direita com Alcir e Feijão ou Faísca e Fumaça, a velocidade do Rodrigo Gral, a classe do Fernando, os lançamentos do Pedro Haroldo, os cruzamentos do Mauricinho, a saída de jogo do Thiago Silva após um desarme do Naldo.

Depois, só via comemoração, volta Olímpica do Jaconi em 1994, no Beira Rio em 1998 e no Maracanã em 1999. Imagens do Juventude metendo quatro no Benfica e ganhando do Parma, goleando gigantes do futebol brasileiro, ensacando a dupla de PoA, sufocando a arrogância dos grenás.

Despertei desses poucos segundos e, já consciente, fiquei feliz por ter lembrado apenas de bons momentos. Precisei me esforçar para recordar de passagens ruins na nossa história. É, e elas existem. Teve uma época em que precisávamos evacuar sangue para ganhar do São Borja e outros desse quilate em busca de boa campanha no Gauchão. Nos acostumamos mal durante um bom tempo, apesar de percalços como a campanha no Brasileiro de 1999 e outros posteriores. Algo irrita mais do que as inexplicáveis entregadas para o Grêmio? Houve o rebaixamento em 2007, o 8 a 1 em 2008.

Bom, esses são fatos da minha memória e, certamente, cada um tem a sua própria. Mas não há como negar que nossas conquistas a ocupam em quase sua totalidade. É com esse espírito, de vencedores, altivos, corajosos e fiéis - acima de tudo, fiéis - que estaremos no Jaconi no sábado. Os rostos passam, tanto os bons quanto os ruins. O que se eterniza são as cores e a paixão. Juventude, nunca vou te abandonar. Eu, não!

E é nesse espírito que o Consulado TEM que encarar o jogo. Nunca abandonaremos o Juventude, e estaremos presentes no sábado, lotando o Jaconi e transformando em um inferno a vinda do Atlético-GO às nossas dependências. TEMOS que ganhar o jogo e GANHAREMOS.

Juventude, NUNCA te abandonaremos.

Texto de Fabio Berti

Torcedor Papo: não esqueça de fazer sua fezinha no bolão do Consulado.

domingo, 15 de novembro de 2009

São Caetano 0x0 Juventude

Jogo ruim, sem muitas chances de gol, onde o empate em 0x0 refletiu bem o que se fez em campo.
Lopes entrou no segundo tempo e acrescentou qualidade ao meio campo. Realmente, era para ter sido o reforço do campeonato para nós. Pena que...

Dois resultados foram bons para nós: ABC 6x2 Brasiliense e a vitória esperada do Vasco, por 2x1, sobre o América.
Contudo, ninguém contava com as vitórias do Bahia em Campinas e do Ipatinga sobre o Atlético-GO.

Aliás, essa vitória do Ipatinga me diz duas coisas:
1-Se o Ipatinga ganhou deles, temos tudo para ganhar também.
2-Com essa derrota do Atlético, o Figueirense já tá nos calcanhares deles, ou seja, não esperem facilidades sábado.

Acho que chega de fazer contas e vamos pra cima ganhar o jogo, que é o que interessa.

Outra boa notícia é que o Guarani depende apenas de um empate contra o Bahia fora de casa para se garantir na A. Que ganhem, se livrem de responsabilidades para a última rodada, e ainda ferrem com o Bahia.

Durante a semana, publicarei a parcial do bolão.

Nosso sub-17 sofreu a primeira derrota do campeonato, logo no jogo decisivo. 3x1, de virada, para o GFPA hoje. Quarta tem o jogo da volta, no Jaconi.

Dá-lhe PAPO!

sábado, 14 de novembro de 2009

São Caetano x Juventude

Papada!
Apesar do que tenho ouvido falar por aí, acho que o jogo de hoje será dificílimo. Por mais que o São Caetano esteja garantido (precisa de um ponto para se livrar matematicamente da C), duvido que eles facilitem. Ainda mais tendo em vista que o treinador deles é nosso ex-xerife Antônio Carlos, que sempre dividiu opiniões. Inclusive na nossa última vitória sobre o Azulão, o zagueiro era este mesmo Antônio Carlos, em 2006.

O histórico do confronto (retirado do futpedia) é favorável ao Juventude, que venceu 4 e perdeu 3, além de terem ocorrido 3 empates. Marcamos 13 gols e sofremos 12.
No primeiro turno, vitória do São Caetano no Jaconi. Devolvamos esta amarga derrota hoje!

A escalação, já divulgada pelo professor Ivo, é: Juninho; Da Silva, Irineu e Bruno Teles; Bruno, Walker, Leanderson, Léo Dias e Ivo; Zezinho e Mendes. Alguma coisa me diz que o Lopes joga o segundo tempo, o que seria ótima notícia.

Falando de resultados paralelos: os jogos de ontem foram bons para nós. O Paraná confirmou matematicamente o rebaixamento do Campinense, ao enfiar 3x0 nos paraibanos, e o Vasco precisou de dois pênaltis (um desperdiçado) e muito sofrimento para (ainda bem) derrotar o América-RN por 2x1. O América segue com 42 pontos, atrás do Juventude.

Hoje, é secar Brasiliense, Ipatinga e Bahia, e, principalmente, torcer muito pelo VERDÃO. Quem estiver em Porto Alegre, não deixe de comparecer ao Bar Funilaria, na José do Patrocínio 770, em mais uma sessão exclusiva de E.C. Juventude.

Amanhã, a gurizada sub-17 enfrenta o GFPA, no CT azul em Eldorado do Sul, pelo jogo de ida das semifinais do Gauchão da categoria, para depois decidir em casa, por possuir a melhor campanha. Até agora, o Juventude sobrou na competição, com 24 vitórias e 6 empates, em 30 jogos. Inclusive, no último jogo, contra o Ouro Verde, o adversário protagonizou aquela que é a maior vergonha possível em um jogo de futebol: o humilhante cai-cai. No comecinho do segundo tempo, o jogo acabou por falta de atletas no lado do Ouro Verde. Detalhe: o placar, no momento, era 6x0 para o Juventude. Em Caxias do Sul, este artifício é muito conhecido, por ser amplamente utilizado por times de menor expressão (e sem estádio) na cidade.

Vá ao Funilaria! Torça pelo Juventude. A permanência na B não é digna de comemoração, mas a queda para a C seria digna de choro e ranger de dentes. Então, faça a sua parte! Você é o Juventude!

Dá-lhe PAPO!

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Bolão do Consulado!

Pessoal,

Está oficializado o Bolão do Consulado. Agora é a hora de ver quem realmente é bom de palpite e quem é só corneteiro mesmo.

Segue o regulamento:

1-Jogos

Todos os jogos do Juventude e concorrentes (eleitos pelo blogueiro, ou seja: Brasiliense, América-RN, Bahia e Ipatinga) nas três últimas rodadas do campeonato. Sim, na 37ª rodada teremos um jogo a menos, devido ao confronto direto entre América-RN e Ipatinga, portanto, tem ainda mais chances quem apostar desde o início.

36ª rodada
ABC x Brasiliense
Vasco x América-RN
Ponte Preta x Bahia
São Caetano x Juventude
Ipatinga x Atlético-GO

37ª rodada
Bragantino x Brasiliense
América-RN x Ipatinga
Bahia x Guarani
Juventude x Atlético-GO

38ª rodada
Guarani x Juventude
Ipatinga x Vasco
Brasiliense x Vila Nova
Atlético-GO x Bahia
Ceará x América-RN

2-As apostas

Uma aposta significa dar palpite nos resultados (e não placares) de todos os jogos de uma das rodadas acima. Por exemplo, uma aposta válida seria:
36ª rodada: Empate, Vasco, Ponte Preta, Juventude, Atlético-GO. Uma aposta custa R$10,00. É permitido aos apostadores realizarem quantas apostas quiserem (neste caso, será considerada válida a aposta com maior número de acertos). Do o valor arrecadado, serão subraídos os custos com premiação, e todo o restante será revertido em apostas da Timemania. As apostas devem ser enviadas para o email viccari.pdc@gmail.com até UMA HORA antes do primeiro jogo da rodada. Será considerado o horário de recebimento das apostas. Portanto, seguem os horários limite para as apostas, por rodada:
36ª rodada: 13/11/2009 às 20h00
37ª rodada: 21/11/2009 às 16h10
38ª rodada: 28/11/2009 às 16h10

Para os integrantes do Consulado, o envio do email configura dívida com a comissão do bolão (Viccari, Rudi, Frizzo). Para quem ainda não é integrante do Consulado, é imprescindível o envio do comprovante de depósito junto com a aposta. Sem o comprovante, a aposta é inválida. Para receber os dados bancários para depósito, envie um email para viccari.pdc@gmail.com

3-Os ganhadores

Serão somados os acertos em cada uma das rodadas. Ou seja, quem apostar em todas elas, tem muito mais chances de ganhar. Os três maiores acertadores serão premiados. Em caso de empate, o maior número de acertos em resultados dos jogos do Juventude é fator de desempate. Persistindo o empate, será realizado sorteio, em data e formato a serem definidos pela comissão do bolão (Viccari, Rudi, Frizzo).

4-Os prêmios

Os três maiores acertadores serão premiados, da seguinte forma:
Primeiro lugar: uma camiseta oficial do E.C. Juventude, temporada 2008.
Segundo lugar: um kit composto por uma toalha de banho do E.C. Juventude, dois cartões-postais, 10 adesivos tamanho pequeno e uma régua, todos do E.C. Juventude
Terceiro lugar: uma toalha de banho do E.C. Juventude.
Os prêmios são simbólicos, pois o maior prêmio é contribuir com o Juventude na Timemania.

5-Quem pode participar

Conforme acima, qualquer pessoa pode participar, sendo ou não integrante do Consulado Juventudista em Porto Alegre.

6-Prazos

Conforme acima, o prazo para apostas é uma hora antes do início de cada rodada. O prazo para pagamento é:
-Membros do Consulado: Até 72h após o envio da confirmação da aposta, ou em mãos para algum dos membros da comissão do bolão (Viccari, Rudi, Frizzo).
-Não-membros do Consulado: O comprovante de depósito deve ser enviado no mesmo email que a aposta.

7-Etc

-Em caso de dúvidas ou ambiguidade no regulamento, a comissão do bolão (Viccari, Rudi, Frizzo) tomará a decisão e comunicará, no Blog, a decisão.
-Apostas via comentários no Blog serão consideradas apenas para efeito de corneta, não sendo válidas para computar os vencedores.
-As parciais serão divulgadas no Blog, após cada uma das rodadas.

Um ano da primeira caravana dos Papos da Capital!

Gostaria de relembrar uma data: 12 de novembro de 2008, e relembrar também alguns nomes: Cassio Cons, Denis Palliano, Éderson Oliveira, Eduardo Devens, Eduardo Lunardi, Felipe Chies, Fernando Frizzo, Gabriel Sturtz, Guilherme Molin, Josué Chies, Leonardo Viccari, Márcio Bonesso, Marcos Cavinato, Paola Juber e Tiago Dal Zotto.

É!!! Um ano da nossa primeira caravana, onde tudo começou. Parabéns a todos que iniciaram essa caminhada, e a todos que acreditaram nela se juntando a nós nesses últimos 12 meses. Lutamos, buscamos e alcançamos nosso objetivo, hoje somos uma realidade dentro do Clube, um orgulho para a torcida alviverde. Que nosso exemplo sirva para mostrar que as coisas são possíveis, que organização supera qualquer dificuldade financeira, que a paixão por esse Clube, que nos uniu, que nos fortaleceu, pode nos levar a realizar qualquer coisa em prol dele. Esporte Clube Juventude, nossa razão de existir.

Texto de Guilherme Molin

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Juventude 1x0 Portuguesa

Noite magnífica.

Juventude precisando dos três pontos.
Papada comparece em bom número.
Bar Funilaria lotado em Porto Alegre. Muita gente do Consulado presente.
Juventude joga muito bem.
Zezinho destrói com a defesa da Portuguesa.
Goleirinho da Lusa pegando até pensamento.
Gols feitos perdidos pelo Juventude.
Mendes, o MATADOR, decide no segundo tempo.
Juventude VENCE e respira (pelo menos por enquanto). Secadores saem frustrados do Jaconi.
Como poderia ser melhor? Só se o jogo fosse às 21h50, com a Papada da Capital podendo ir em peso.

Destaco a atuação estupenda do garoto e craque Zezinho. Só foi parado na botinada.
Destaco negativamente o fiasco protagonizado por jogadores, comissão técnica, diretoria, etc, da Lusa. Que fiasqueira. Estavam contando com os três pontos e não contavam com a derrota. Se não provarem o que falaram, vão ter o mesmo destino que o goleirinho gaveteiro aquele do Corinthians no ano passado. Processo. Chega de conformismo.

De ponto negativo, também, as vitórias de Bahia, América (fala sério, aos 43 do segundo!) e Fortaleza (espero que a do Fortaleza não adiante mais). Brasiliense x São Caetano não começou no horário por falta de energia elétrica. Esperemos pelo crime da equipe azul.

Mas valeu pela vitória, importantíssima. Conforme previsto em posts mais antigos, com os resultados de hoje, puxamos o Ipatinga e o Brasiliense pro estouro.

Juventude x Portuguesa

Jogo do ano (mais um). Se não vencermos a Portuguesa hoje, em casa, preteia de vez o olho da gateada. A menos que Bahia e América colaborem (o que não vai acontecer para sempre).

Quem puder, VÁ ao Jaconi. Toda e qualquer força ajuda. TEMOS que vencer o jogo.

Aos papos que estarão na "leal e valerosa", o endereço é o de sempre: Bar Funilaria, José do Patrocínio, 770, a partir das 19h.

Dá-lhe PAPO!

domingo, 8 de novembro de 2009

Forças Ocultas

Análise fria da tabela: é muito difícil que ABC, Campinense e Fortaleza consigam fugir do rebaixamento. Da mesma forma, acho que do Duque de Caxias (44 pontos) para cima, todo mundo já se salvou. Quem está na "briga" por uma vaga na C do ano que vem, portanto:
Ipatinga (42)
Brasiliense (41)
Juventude (40)
América (39)
Bahia (39) - abre a zona do descenso.

Tendo em vista o que aconteceu nos jogos com o Vasco, OLHO ABERTO. O Bahia tem força política e uns e outros no comando do futebol do nosso país vão fazer de tudo para que o time de Salvador não caia.
Faltam 4 jogos. Faltam 4 pontos. Por que não deixar a coisa bem encaminhada, vencendo a Portuguesa já na terça-feira? Depois resta buscar um pontinho em três jogos, sendo São Caetano (f), Atlético-GO (c) e Guarani (f).

Dá-lhe PAPO!

sábado, 7 de novembro de 2009

Vasco 2x1 Juventude

E o crime aconteceu mesmo. O Juventude acaba de perder o jogo para o Vasco da Gama, no Rio de Janeiro, por 2x1, apesar da boa atuação.
O primeiro tempo foi de poucas chances, com o Juventude consideravelmente controlando o jogo, mas não conseguiu chegar. Em um lance rápido, o Vasco jogou a bola para a área, e o centroavante deles descaradamente fez uma assistência com a mão, para um jogador que estava livre na área marcar 1x0 Vasco. Lance ridículo. Roubo. O juiz nada marcou, e o primeiro tempo acabou sob forte calor com o Vasco vencendo.
No segundo tempo, com a entrada de Gustavo e Jorge Felipe, o time cresceu. O Vasco desapareceu. No talento, Zezinho evitou uma saída de bola, e na malandragem, cavou uma falta na linha de fundo. Na cobrança, Irineu guardou. O Juventude era muito melhor, pressionava o Vasco, e viraria o jogo, com toda certeza. Mas aí voltava a campo o velho Juventude de 2009, e, numa falha tosca da defesa, um vascaíno saiu sozinho na cara de Juninho, que foi driblado e fez o pênalti. Não tinha muito o que fazer, mas acabou expulso, corretamente.
Três alterações já feitas, e não tínhamos muito o que fazer. Mendes, o goleador, vai para o gol, e, claro, não teve chances na boa cobrança de Carlos Alberto.
Com um a menos e sem um goleiro de ofício, alguns acharam que seríamos goleados. Mas o Juventude foi forte, foi grande, e se segurou. Quase empatou em uma cabeçada perigosíssima de Gustavo. Mendes foi para a área em uma bola parada, mas não guardou. Na segunda subida do Gladiador, o nosso amigo Nielson Dias acabou o jogo antes da hora, nos prejudicando mais uma vez.
Boa partida do Juventude, com vários destaques. Destaco Bruno, nosso melhor jogador. Zezinho é craque, sem mais. Gustavo entrou muito bem. Jorge Felipe foi uma grata surpresa, e Lauro foi o Lauro de sempre, um GIGANTE.

Não é possível fazer qualquer análise do jogo sem considerar o ROUBO ocorrido no primeiro gol do Vasco. O toque de mão foi claríssimo e o juiz VIU. De qualquer forma, parabéns ao Vasco, que é melhor que os demais times da série B (embora não muito melhor) e volta à elite, merecidamente, apesar de duas atuações desastrosas da arbitragem nos jogos contra o Juventude.

Hoje não deu, mas terça vai dar, nem que seja na marra. Mais de 10 mil no Jaconi, e pena que o jogo não é as 21h, o que dificulta a caravana de Porto Alegre. Mas certamente teremos representantes. E não vai ser fácil para a Portuguesa arrancar pontos de nós.

Parabéns, também, para a GALERA que esteve no Bar Funilaria. Vocês são o orgulho do Consulado Juventudista em Porto Alegre.

Dá-lhe PAPO!

Cheiro de crime no ar

Papada!

Hoje é um dia muito importante, onde sua torcida pode fazer a diferença. Vista sua camisa alviverde, tenha fé no time, assista ao jogo, torça, confie, acredite.
Sim, somos franco-atiradores, e uma derrota seria o previsível hoje. E por isso vamos nos conformar? Somos gaúchos, lutemos até o fim. E, talvez, sejamos recompensados e saiamos com um ou três pontos do Maracanã entupido de gente.

Quem estiver em Porto Alegre será muito bem-vindo no Bar Funilaria (rua José do Patrocínio, 770), onde a galera certamente começará a chegar perto das 15h30. Tomara, para presenciar mais um crime cometido por este Verdão tão querido.

Dá-lhe PAPO!!!!

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Vasco x Juventude

O que esperar do time, depois de apresentações tão irregulares?

Sábado, encararemos o Vasco, líder da Série B 2009, o Maracanã lotado, num ambiente de muita festa (pois uma vitória recoloca o Vasco na série A) e pressão. Resistiremos? A arbitragem resistirá?

Vendo pelo lado bom, voltam Zezinho e, possivelmente, Lopes. Contando com a boa fase do Bruno (que para mim, nas últimas várias partidas, tem sido o melhor e mais regular do time) e toda a atenção da mídia, que pode significar um empenho maior de uns e outros.

O momento é perigoso, e o adversário mais ainda, mas por que não relembrar 1999? Não sei quanto ao resto da Papada, mas a minha lembrança do Maracanã é essa:



Sábado, todos ao Bar Funilaria, em mais uma sessão EXCLUSIVA de Esporte Clube Juventude, em Porto Alegre.

Dá-lhe PAPO!

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Bola nas costas

Agitação, empolgação, motivação, confiança, expectativa, apoio irrestrito... estes eram alguns dos sentimentos que fervilhavam em cada um dos integrantes da caravana do Consulado que às 18h30 desta terça-feira partia rumo a Caxias do Sul. Desde a saída de *Poa Downtown*, passando pelo início da Freeway entupidaço, pela BR-116 praticamente parada e, finalmente, subindo a Serra, a galera se mantinha guiada pelos sentimentos descritos na primeira frase
desse humilde relato.

Certamente, a galera que foi pro Funilaria e os cerca de 10 mil papos que pulsaram o Jaconi, manifestavam os mesmos sintomas. Afinal, “hoje (ontem) era o dia”! Data marcada para expurgar os maus espíritos que rondam a Hércules Galló há mais de três anos e que, com a porta escancarada pelos atuais mandatários do clube, já se sentem em casa; dizem que até já vão ao banheiro de porta aberta, tamanha a intimidade que adquiriram os tais organismos fantasmagóricos. Desculpem-me os estudiosos em assuntos sobrenaturais pela metáfora meio idiota. Coisas do momento pouco inspirador.

Com a bola rolando, foi aquilo que tanto já se viu. Um time desorganizado exatamente na medida da falta de talento no grupo. Ontem, só faltou mesmo o cara de pau e usurpador da nossa bondade chamado Lopes. Todo o resto, considerado o que há de melhor, estava em campo. Pois não venham me dizer que Renan, Juan Perez e sei lá mais quem, seriam a salvação. Talvez somente o Zezinho, um caso a parte nessa vala comum, pudesse mudar alguma coisa.

Só não via quem não queria! Afora uma ou outra tentativa do mediano Bruno pela direita, o jogo se resumiu à insistência com bola alçada na área, já que a lucidez para furar a marcação do fraquíssimo e desesperado Bahia não surgia de ninguém. Nem do Lauro e do Walker, que marcam, roubam bolas, levantam a cebeça, tentam chegar à frente, mas não são heróis. Defesa ruim e laterais ruins são um problemaço. Mas não ter um meia sequer para levar a bola ao Mendes e ao Denner, que apesar de estarem jogando um sobre o outro, ainda têm faro de gol.

Bom, a m. está feita. Agora é apelar para a fé, já que as paradas são aparentemente indigestas. Se conseguirmos nos safar – e ainda espero que sim, de positivo fica a certeza de que o reinício em 2010 será realmente do zero.

Ontem, quem tomou uma baita bola nas costas não foi o Bruno no lance do gol – cuja culpa obviamente não foi apenas dele. A grande bola nas costas, quem tomou, fomos nós, juventudistas, quem realmente assume as heranças malditas da incompetência.

O sentimento na volta da caravana? Ah, sim, todos muitíssimo indignados. Menos mal que a conversa estava boa. Falamos de arquitetura, jornalismo, política, na receita de pastelão do Frizzo e até nos melhores restaurantes japoneses de Porto Alegre. Isso depois que o cachorro quente com salsicha verde do Jaconi me provocou náuseas! Bom, paremos por aqui...

Texto de Fabio Berti

terça-feira, 27 de outubro de 2009

CARAVANA - Juventude x Bahia

Depois das duas vitórias sobre América-RN, no Jaconi, e Ipatinga, em MG, a PAPADA respira um pouco mais aliviada. Nada está garantido, mas pelo menos as coisas estão melhor encaminhadas. Repetimos nossa "melhor sequência" no campeonato (sim, pífias duas vitórias consecutivas), e abrimos 5 pontos da "zona".

O jogo de hoje à noite, contra o Bahia, é vital. É o jogo do ano. Vencendo, o fantasma da CCC estará praticamente eliminado, já que abriríamos 8 pontos para o mesmo Bahia, que hoje abre a "zona". Além disso, faz o time empilhar, pela primeira vez nessa série B, 3 vitórias consecutivas.

Exceto evitar a queda, não temos mais muito pelo que lutar, então, por mim, façamos logos esses pontos que faltam para colocar de vez o último prego no caixão dos secadores e começar a planejar 2010 de uma vez.

Para isso, os Papos da Capital estão organizando a caravana para subir a Serra. Saída às 18h15 de Porto Alegre. Maiores informações pelo email paposdacapital@gmail.com

Por falar em 2010, saiu a tabela do Gauchão 2010.

Piadas de mau gosto:
1-os nomes das taças.
2-clássico do mal em Erechim.

Boas notícias:
1-vários jogos na região metropolitana.
2-ccca-JU em casa.

Certamente, PAPADA de Poa estará presente em todos os jogos do Gauchão, em casa e fora, provando qual é a verdadeira maior do interior.

DÁ-LHE PAPO!

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Papos da Capital e a Timemania

Ontem os Papos da Capital se reuniram no bar Funilaria (José do Patrocínio 770) como sempre acontece para assistir a um jogo do Juventude. O time ganhou e mais uma vez vai se afastando dos clubes pequenos que habitam a série C.
Além da importante vitória e do fôlego adquirido até a próxima rodada, ontem quem se fez presente no bar pôde ficar a par dos dados sobre o Projeto Timemania realizado pelo Consulado Juventudista em Porto Alegre, sob a batuta de Rudimar Schreiber Júnior. A papada de Porto Alegre tem feito bolões da Timemania em nome do nosso amado clube, e já foram adquiridas em torno de R$1000,00 em apostas para ajudar na causa do Juventude.
Foi sorteada uma camisa entre os participantes do último bolão, que somou R$200,00 em apostas para o clube.



O idealizador do projeto, Rudi, entrega o prêmio para o felizardo Bassa, vencedor do sorteio.

O número de cartelas no sorteio era determinado pelo número de apostas feitas, por isso quem apostar mais tem mais chances! Fiquem ligados pois no próximo bolão será sorteada outra camisa, e é sempre bom ajudar o clube a ainda ter chances de ganhar uma bolada!

sábado, 17 de outubro de 2009

Trégua Alviverde

Divulgamos, abaixo, texto de Henry Mader, que tem o mesmo foco que as ideias pregadas pelo Consulado: quanto pior a fase, mais temos que nos unir pelo JUVENTUDE:

Proponho uma trégua! Amigos, como torcedor, sócio e conselheiro desse clube, venho aqui propor uma trégua nossa em relação ao atual grupo de jogadores e a direção do clube. Todos sabemos onde estão os inúmeros erros e não adianta. Nada vai mudar essa história que começou mal e está muito perto de acabar de forma trágica para nosso clube.

Jogar pedras, protestos, manifestações públicas de descontentamento, já não irão resolver nada. Não adianta perdemos tempo fazendo isso. Agora, doa a quem doer, teremos que engolir nosso orgulho ferido. Nossa alma está ferida, mas acreditem: tudo pode ficar pior.

Se cairmos, o futuro, se existir futuro, será tenebroso. Sim, se manifestem indo ao jogo, vamos tentar salvar o que restou do clube, temos que salvar o clube esse ano do rebaixamento, e depois sim, podemos aprender com os erros e fazer um amanhã melhor.

São mais 8 jogos de paciência. Precisamos de quatro vitórias. Temos quatro jogos em casa. Você escolhe: quer o Juventude na série B, ou quer ir fazer companhia aos mortos na série C?

Agora é a hora dos PAPOS de alma e coração se unirem em torno do alviverde de nossas vidas. Repito: a salvação do clube é uma missão nossa.

Convido todos aqui a virem junto nessa grande missão. Salvar o Juventude do maior vexame de sua história. A honra de uma história quase centenária está em jogo. E não podemos aceitar essa mancha em nossa gloriosa trajetória nos gramados do brasil e desse mundo afora.

PAPADA, de PAPO para PAPO: conto com todos vocês nessa empreitada. Pelo Juventude. Por Juventudistas.

Texto de Henry Mader

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Passado de glórias, futuro mais ainda!

O futuro do nosso glorioso time, que "a cidade em orgulho deixou", como diz nosso espetacular hino, parece mesmo ser ainda mais glorioso.
A equipe sub-15 está voltando de Quaraí/Artigas com o título da II Copa Internacional de Futebol Infantil Ruben Paz. Título este conquistado de maneira invicta, com 100% de aproveitamento, sem sofrer gols, com 36 gols marcados, e socando os porto-alegrenses. 8x0 no Grêmio na semifinal, e 1x0 no Internacional na final. Pena que (para variar), os ccco-irmãos não disputam este campeonato. Seria mais uma lavada.
A equipe sub-17 está, mais do que ninguém, literalmente patrolando todo mundo no Estadual da categoria. Acredite se quiser: em 23 jogos, são 20 vitórias e três empates. Nos últimos 17 jogos, são 17 vitórias consecutivas. Sim, não tem para ninguém. Quem sabe não vêm mais alguns Zezinhos e Gustavos por aí? Nota: aqui, também, os ccco-irmãos não se fazem presentes.
Por falar em Zezinho, está fazendo falta ao time profissional, mas por uma boa causa: o piá é um cheque depositado no Banco Seleção Brasileira, talvez um dos mais rentativos bancos do Planeta.
Motivos não faltam para enxergar com bons olhos o futuro, cuja pedra fundamental está situada no Centro de Formação de Atletas e Cidadãos, uma obra única, segundo alguns, sem par no Brasil e na América Latina. Quem já foi lá, sabe do que estamos falando. A quem não tem nada parecido, resta a inveja e a típica zombaria que lembra o velho ditado: "quem desdenha, quer comprar".
A equipe de Juniores está prestes a participar de mais uma Copa São Paulo, o torneio mais importante da categoria, juntamente com os outros grandes clubes do Estado, como a dupla Gre-Nal e o São José. O ccco-irmão? Precisa falar? Óbvio que não vai, de novo.
Apesar das brilhantes campanhas das categorias de base, o time profissional está dando algumas patinadas. O campeonato está se encaminhando para o final, e o JUVENTUDE está mais próximo da C junto com os times pequenos do que do seu lugar, que é na série A.
Nós poderíamos ficar reclamando da direção e dos “mercenários”, mas isso é chover no molhado, dar tiro no escuro. Falar sobre o que alguns dos nossos atletas falaram, falar sobre as a atitude de algumas partes da nossa torcida. Alguns torcedores que conseguem um grande espaço na internet preferem puxar o torcedor para baixo, mas isso não ajuda em nada.
Preferimos pedir para que nós, PAPOS doentes fora de Caxias, não nos desanimemos. Que continuemos pagando a nossa mensalidade, a nossa cadeira, que continuemos indo ao estádio, continuemos usando o nosso manto listrado sempre.
Que nunca deixemos de mostrar o quanto nos orgulha torcer para o clube que torcemos, e que o nosso amor por ele sempre aumenta, não importa quão grande a adversidade. Continuaremos fazendo mágica para chegar ao Jaconi nos horários bizarros que são marcados os jogos do PAPO, pois sempre tivemos que lutar pelo nosso time, em todos os campos.

E o resultado do belíssimo caJU que foi jogado esse ano na PUC, entre PAPOS e alguns torcedores do Caxias parece que realmente incomodou o lado azul/grená da força, a ponto de alguns maus perdedores perderem tempo inventando coisas na internet. Sempre vale a pena dar mais uma olhada nos gols da pelada:



Texto de Fernando Bassanesi e Leonardo Viccari

sábado, 10 de outubro de 2009

CARAVANA SAINDO!!

Em alguns minutos, sai a caravana dos PAPOS DA CAPITAL para Juventude x Campinense!
Que voltemos com uma vitória!

DALE PAPO!

sábado, 3 de outubro de 2009

Ainda vivos

Apesar da derrota para o Vila Nova, apesar dos pessimistas, corneteiros e secadores, ainda estamos vivos na Série B. Algumas contas apontam para a necessidade de mais quatro vitórias para escaparmos do inferno-mor (C, ou CCC, como queiram).

Por que não garantir a primeira daqui a uma semana, contra o Campinense, assíduo frequentador do Z-4? Seria muito bom devolver aquela derrota do primeiro turno.

DALE PAPO.

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Bragantino 3x2 Juventude

Quem não ficou otimista com nossa virada em menos de 5 minutos?
Quem não ficou puto da cara com o pênalti para o Bragantino logo em seguida?

Resultado: mais uma derrota idiota de um time que reflete, no seu futebol, a quantidade de jovens em campo. Ataque: só correria, jogadas individuais, sem chegada, e cruzamentos pífios (balão pra área ou cruzamento fraco). Defesa: catimba zero, muitas faltas, muita liberdade em alguns lances.

Achei que o time escalado pelo Ivo não foi bom, com muitos volantes. Igualmente ele mexeu mal. Milagrosamente, viramos o jogo e, previsivelmente, não soubemos segurar o resultado.

Como sempre, vamos ter que buscar pontos contra o Vila Nova, e um empate, pelas circunstâncias, já não é bom resultado. O bom é que depois do Vila, de 4 jogos, 3 são em casa.

Joguei a toalha de vez: adeus acesso em 2009. Que se mantenha a base e termine-se o ano honrando nossa camisa, longe da zona de rebaixamento.

Bragantino x Juventude

Post em cima da hora e depois de muito tempo sem escrever. A correria tá grande pra todo mundo, e não tem sobrado muito tempo para escrever no Blog.

Depois da vitória contra o Brasiliense e do empate com sabor de derrota contra o Paraná, mais uma boa (porém sofria) vitória em casa, dessa vez contra o Fortaleza.

Algumas boas atuações, e o Denner vem se destacando, marcando presença em vários jogos. Já são nove gols.

Agora, dois jogos fora, contra Bragantino e Vila Nova. Tem que jogar para ganhar os dois, mas me arrisco a dizer que qualquer coisa >= três pontos nesses dois jogos será uma boa pontuação.

Quem está em POA, VOE para o Funilaria, na José do Patrocínio, onde a Papada vai estar presente, como sempre. Quem não puder ir, veja pela TV e faça muito pensamento positivo, pois uma vitória hoje seria importantíssima. Um 1x0 como o do ano passado teria sabor de goleada.

Abraço e DALE PAPO!

sábado, 12 de setembro de 2009

Rodada

Mesmo ainda faltando um jogo pra acabar essa rodada - e esse jogo pode nos colocar de volta na 16ª posição, a uma do Z-4 - já dá pra saber que, independende do resultado contra o Paraná na terça, não retornaremos a Zona do Rebaixamento no meio da semana. Pode parecer pouco pro nosso clube e nossa história, mas é um fato relevante se considerarmos que o nosso único objetivo a partir de agora é permanecer na Série B.
Acho que se esse fato for bem trabalhado com o grupo de jogadores pela comissão técnica, podemos ir pra esse jogo de 6 pontos contra o Paraná fora de casa com um peso a menos nas costas. Ganhar esse jogo, embolsando esses 3 pontinhos valiosos, é tarefa plenamente possível, mas diante das circunstâncias não julgo o empate como mau resultado. A vitória nos faria pular algumas posições, nos distanciando cada vez mais do Grupo da Morte.
Outro fator importante, a compensar as ausências já conhecidas pra terça, é a quantidade de treinamentros que o Alemão Ivo está fazendo essa semana, a fim de achar a melhor formação. Inclusive, creio que após o treino da manhã desse domingão, nosso treinador poderá já definir o time e banco que viajam pra Curitiba na segunda.
Por essas e outras razões, aposto em um bom resultado, aliado na volta da confiança e do padrão de jogo do time, afim de fazer, no mínimo, uma campanha bem melhor nesse turno.
Abraço a todos.
AVANTI PAPO!
JUVE SEMPRE E SOMENTE!

Texto de Rudimar Schreiber Júnior

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Juventude 2x0 Brasiliense

Vitória que veio em um ótimo momento (e tem momento ruim para isso??). Abrimos três pontos do Z-4 (pelo menos até o fim da rodada) e estamos na décima quarta colocação (idem).
Agora, como não podia deixar de ser, a má notícia: Lauro e Zé Carlos (na minha opinião os dois melhores em campo) estão fora do próximo jogo, a pedreira contra o Paraná.
Enfim, é impressão minha ou o banco fez bem ao Zezinho?

terça-feira, 8 de setembro de 2009

JU VENCE CLÁSSICO NA CASA DOS INIMIGOS

Tudo pelo social! Até confraternizar com os grenás.

O fato é marcante: um Ca-Ju em plena Capital. Na terra dos azuis e vermelhos, a resistência alviverde mostrou as garras. Em uma noite chuvosa de inverno, nosso escrete desfilou sua habilidade e sua raça em uma partida de futsal – bom, pelo menos não nos molhamos. Foi legal ver uma galera no ginásio da PUC olhando, confusa, o que se passava. Um Juventude formado pelos fiéis “Papos da Capital” e um SER Caxias formado pelo irmão da Mariana e seus amigos. A
Papada era, na proporção, igual à “vida real”: três por um.



Destaque para a pegada, que foi forte desde o início. No time deles, o espírito Caçapava e Jairão (dos anos 80) imperou. Nós, sem pipocar, procuramos mais o jogo e, com a segurança do Peli e do Viccari lá na cozinha, a garra do Gui, do Fabio, do Poletti e do Denis e a habilidade do Mateus e do Tiago. Valeu também, a orientação técnica do Pablo e a torcida pé-quente do Bassa, do Bob, do Cássio, da Mari, do Éderson, da Luciana e da Lilian.
Inverti a lógica do texto jornalístico, deixando para publicar o placar do jogo no fim da matéria. Foi proposital. Na verdade, o resultado é o que menos importa. Primeiro porque ganhamos e nem se imaginava nada diferente. Segundo porque fica como lição para nossos valorosos atletas profissionais do Jaconi. Ultimamente, seja pelo Gauchão, Copa “Deus Me Livre”, etc. tá difícil ganhar do CCCaxias. Dica: Ivo Wortmann, use o nosso exemplo em sua preleção. Também não jogamos nada, igualzinho ao time profissional. Mas estamos fazendo a nossa parte pelo clube que amamos! Ah, ganhamos de 4 a 3, gols do Mateus (2), Tiago e Guilherme.

Texto de Fábio Ramos Berti

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

ccca-JU em Porto Alegre!

Dia histórico para o Consulado Juventudista de Porto Alegre.

Hoje, 03/09/2009, acontece o ccclássico envolvendo o time do Consulado e alguns torcedores do Caxias.
O jogo está marcado para as 21h, nas quadras do térreo da PUCRS. Se tiver a oportunidade, prestigie!

Amanhã, fotos e relatos do jogo!

domingo, 30 de agosto de 2009

Juventude 0x0 Duque de Caxias

Lamentável,

Pelo visto, apenas nós, Papos da Capital, não largamos a toalha...

Depois da trágica partida em Caxias do Sul - sim, trágica, pois o dia que eu achar bom 1 ponto em 6 contra um Marques, Duque, Infante, ou seja lá o diabo que for, aí é que c*gou a tripa que era pra linguiça - fiquei matutando algumas coisas sobre toda a nossa situação. Ou como diz o Raulzito (essa semana tirei uma licença poética): "Acabei de dar um check-up geral na situação..."

O jogo: um oxo com sabor de vitória, pelas 4 chances claras de gol do time da Baixada Fluminense (que pra mim, com a bola que tá jogando, já carimbou o bilhete de volta pra C). O time esmeraldino teve imposição por exatos 4 minutos, que foi o tempo que o Lopes esteve em campo. Nada extraordinário, diga-se de passagem. Mas, depois da jogada onde ele levou o toquinho no calcanhar e parou de jogar até ser substituido, o buraco entre o meio e o ataque era visível. Com isso, o Ivo teve (será?) que meter o Ivo, e o time "entortou" pra um improvisado 3-5-2 que quase esculhambou com tudo no primeiro tempo. Acho que pra não queimar uma segunda substituição ainda nos primeiros 45, o Alemão só pediu pro time desentortar e ir até o intervalo assim, mas o buraco na ligação meio-ataque continuou o jogo inteiro, pra desespero da papada. Aí começa o segundo tempo: Um abafa como há muito não se via nas bandas do Jaconi. Mas não um abafa do Ju pra cima do Duque como queríamos: a bolinha murcha que o time mostrou no recomeço do segundo tempo abafou qualquer tentativa de melhoria de humor na galera do amendoim e da social. Aí foi só esperar o tempo passar e o juiz apitar. Nem as entradas de Gustavo e Mendes nos lugares de Cicinho e Zezinho (aliás, a pior partida dele no Ju) melhoraram as coisas. Tô pensando até agora e não entendi o porquê de não manter o Denner como o mais avançado atacante e trazer o Mendes pra fazer a parede e ajudar a armar os ataques. Se tivesse mais 2865 tempos de 45 minutos naquele jogo horroroso de ontem, mesmo assim ia ser 0 a 0. Destaque (?) pro nosso goleiro Juninho, o menos ruim do time, pois pelo menos fez a parte dele, além de estar com uma sorte do cão ontem...

Texto de Rudimar José Schreiber Júnior (Rudi)

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Ceará 1x1 Juventude

Post curtinho:
Bom jogo, tomamos pressão em vários momentos, equilibramos o jogo na maior parte do tempo, e tivemos nossas chances de ganhar o jogo. Dadas as circunstâncias, o empate fora de casa com um adversário do G4 não deixa de ser bom resultado.

E que golaço do Marcos Denner. Resta agradecer ao gestor do ccco-irmão por não ter como honrar o compromisso com o Denner, liberando-o para nós, e aos ccco-irmãos por não se associarem ao seu clube, o que fez com que o gestor deles não tivesse bala na agulha pra manter nosso matador.

Nos mantivemos a 11 pontos do G4, e, com todo o respeito, é possível ganhar os próximos três jogos, talvez quatro, se o Paraná colaborar. Normalmente vamos bem contra o Paraná, de repente façamos o crime lá de novo.

Enfim, mas não menos importante (bem pelo contrário): sábado TODOS ao Jaconi, empurrando o time no ccca-JU contra o cccaxias genérico*. Bom resultado é vitória e nada mais, de preferência vitória convincente. Chega de perder pontos em casa.

*Correção: na verdade, o cccaxias genérico é o nosso ccco-irmão, que está uma divisão abaixo, e está arrendando o estádio para a Prefeitura organizar as festividades da Semana Farroupilha. O Duque de Caxias é o genuíno. Obrigado aos que apontaram o erro.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Juventude 4x1 Guarani

Finalmente temos um lateral-esquerdo! Finalmente temos um meia-armador! Finalmente Lauro voltou! Finalmente vencemos jogando bem!

Fica óbvio para todos que a vitória do Juventude se deu pela pressão avassaladora do início de jogo. Logo a 1 minuto, Marcos Denner achou uma brecha no meio da defesa bugrina e cabeceou para abrir o placar. Na saída de bola, recuperamos a bola e Luiz Felipe arrancou para ampliar o placar – que mesmo com a colaboração da panturrilha de Márcio Alemão, foi um belo um gol.

Pois mesmo com 2 a 0 no placar, o alviverde continuou dominando a partida e sem muito esforço chegou ao 4 a 1. Primeiramente, então, destaco alguns pontos positivos:

- Bruno Teles: cansou no segundo tempo, mas já demonstrou ser o lateral que o Ivo procurava para passar a escalar o time com uma linha de 4 atrás. É alto, tem bom poder de marcação e quase surpreendeu numa arrancada ao ataque.

- Lopes: demorou uns 20 minutos para se “reacostumar” com a bola, mas quando o fez, coordenou o jogo como há muito tempo ninguém fazia pelo Jaconi.

- Lauro: só não foi o melhor em campo porque Denner marcou 3 gols. Ladrão de bolas e “virador de bolas” que a gente conhece.

- Jackson: talvez até merecesse ter tomado um cartão amarelo, mas acabou com qualquer tentativa de ataque campinense durante todo primeiro tempo (ou seja, enquanto teve pernas). Muita vontade, disposição e bons passes quando necessário.

- Marcos Denner: além de marcar os 3 gols, se movimentou muito e de maneira eficaz. Banco pro (poste) Mendes.

Mas, como não poderia deixar de ser, destaco também alguns pontos negativos:

- Leo Dias: apesar de eu não ter destacado todos os jogadores nos itens acima, todos tiveram boa atuação. A única exceção foi esse meia-armador. Não conseguiu armar nada: nenhum passe criativo, nenhuma tabela, nenhuma ultrapassagem. E além de tudo criou uma avenida para o apoio do lateral direito adversário apoiar: inúmeras vezes deixou Bruno Teles no 2 contra 1, que por sorte (ou competência) se saiu bem na maioria das vezes. Acho que o Ivo tem melhores condições de desempenhar este papel (de marcar lateral e também fomentar o ataque). Ou até mesmo o Bruno, trocando o Zezinho de lado.

- A postura ofensiva do segundo tempo: sofremos inúmeros contra-ataques mesmo ganhando o jogo por 3 a 0. Era desnecessária a pressão quando já tínhamos o jogo sob controle. A entrada de Gustavo (no lugar de Leo Dias) parecia que corrigiria isto, mas não foi o suficiente.

- O preparo físico: é preocupante quando 2 jogadores saem com cãibras. Apesar de o Bruno Telles ter recém chegado e o Jackson ser apenas um garoto, isto e as inúmeras lesões musculares dos últimos tempos indicam que algo tem que ser revisto na preparação dos atletas.

Por fim, acredito que com um pouco mais de atenção do Sr. Ivo Wortmann no que diz respeito à marcação e mantendo a atitude de ataque, temos condições de aproveitar as grandes dimensões do Castelão e surpreender o embalado Ceará. Todos ao Funilaria!

Texto de Pablo Cavalcanti

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Juventude x Guarani

É hoje Papada!!
Dia de jogo é sempre tenso, adrenalina a mil, o tempo não passa até que se pise no Alfredo Jaconi. Hoje, mais do que nunca. Além da estreia de LOPES e Bruno Teles, há a necessidade da vitória.

Acreditamos sempre, e apoiaremos sempre, pois o sangue verde que corre em nossas veias não nos permite desistir. Hoje é dia dos guerreiros de alma listrada mostrarem mais uma vez o seu valor! Hoje começa a reação alviverde!!!

Quem pôde ir já está em Caxias tomando umas. Quem não pôde ir estará no bar Funilaria, na José do Patrocínio 770, torcendo com a PAPADA residente em Porto Alegre por mais uma vitória Alviverde, rumo a posições melhores na tabela

DALHE PAPO!!!!

Texto de Leonardo Viccari e Fernando Bassanesi

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Atlético-GO 2x1 Juventude

É. Perdemos de novo.
Jogamos mal? Bem não foi. Mas muito melhor do que contra o São Caetano.
Conseguimos a proeza de tomar um gol de contra-ataque jogando fora de casa e GANHANDO o jogo.
Bom público no Funilaria, novamente, acompanhando e dando aquela força para o Juventude. Além da sempre presente Papada, que esteve no Serra Dourada, representada por alguns doentes pelo nosso Juve.

Seguimos no Z-4, e com a obrigação de uma sequência de vitórias. Quem sabe a primeira não vem sexta contra o Guarani?

Hoje será apresentado um lateral-esquerdo oriundo da série A. Duas coisas:
1- Por que não veio antes?
2- como diria o Pablo, "de série A" não diz absolutamente nada, podemos esperar qualquer coisa.

Valeu!

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Atlético-GO x Juventude

E tome pedreira! Mais uma pela frente hoje à noite, nada menos que o líder Atlético Goianiense (que tropeçou na última rodada), em seus domínios.
Pergunto: isso é desculpa? Respondo: não.

Não adianta muito ficar choramingando, temos que entrar em campo, jogar com raça e buscar pontos, fora e dentro de casa. Já perdemos todos os pontos que tínhamos para perder, e a cada rodada as nossas chances de subir (que já são muito pequenas desde as 5 primeiras rodadas) diminuem mais.

Porém, ainda estamos a apenas 10 pontos do G-4, o que é um alento. Acontece que já fazem algumas rodadas que este cavalo está encilhado na nossa frente, e na hora de montar nele, tropeçamos.

Enfim, hoje TODOS no Funilaria Bar (José do Patrocínio, 770, Cidade Baixa). Semana passada tivemos a grata surpresa de dois novos integrantes para engrossar a lista dos Papos da Capital. Quem sabe não aparecem mais alguns hoje? Como sempre, embalados por uma boa partidinha de escova antes do jogo, no intervalo, e depois. Teremos no mínimo dois visitantes "novos" hoje. Não que a maioria não os conheça. Furlan e Brandalise, "chapas do cônsul" nos farão companhia nessa jornada.



VAMO!

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Juventude 1x2 São Caetano

Derrota merecida esta de ontem. Novamente, papada em bom número, dessa vez em outro bar, acompanhando o verdão ao vivo. Verdão que vinha mal em campo, perdendo terreno, em um jogo onde o São Caetano criava bem mais. Eis que num lance aos 30 e poucos do primeiro tempo, o Juventude abre o placar. 1x0 com sabor de goleada no Jaconi.
E veio o segundo tempo. O São Caetano continuou jogando melhor, e, ao natural, virou o jogo. E agora? Culpa da piazada? Culpa de alguém? Muito se tem falado que essa piazada tá comendo a bola, mas, e cadê a mescla com a experiência? Cadê o Lauro, que nem no banco ficou, ontem??

Olha, acho que ainda precisa piorar muito pra correr risco de cair (apesar da perigosa permanência na zona de rebaixamento). Subir é muito difícil (sempre foi, desde o início). Eu estava calculando que faríamos de 6 a 9 pontos nesses três últimos jogos. Nesse caso, iniciaríamos o returno em uma boa posição para brigar pela vaga. O jogo de ontem meio que desandou a maionese, e não consigo fazer uma projeção nesse momento.

O ideal é fazer o crime no Atlético-GO, mas tá difícil. Em todo caso, alguém já viu Juventudista pessimista? Só conheço um, e é do consulado, ehehehe.

Vamo que vamo, que sexta (sim, depois de amanhã), às 21h, tem PELEIA em Goiânia. Acredito que embarcamos na mesma situação que fomos pegar a Portuguesa na semana passada. Se tivéssemos vencido o São Caetano (Vasco), um empate com o Atlético (Portuguesa) seria bom. Como perdemos, acho que teremos que jogar para ganhar.

Valeu, e DALE PAPO.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Situação na Tabela

E ae galera.

Como bem observou o Rudi, voltamos para o Z-4. O que significa isso? Toda a galera do rabo da tabela está ganhando seus jogos, e a turma da ponta de cima está patinando. O ex-líder Guarani, por exemplo, não vence há seis rodadas e, portanto, está a (mais alcançáveis do que nunca) 9 pontos de distância do Juventude. Para ilustrar: com três pontos a mais, hoje, ao invés do 17º lugar, estaríamos em 10º.

Por isso, não vamos nos enganar com essa permanência no Z-4. Como estamos melhorando nosso futebol, a tendência é subir. E nada melhor que a galera do G-4 perdendo pontos. Lá na frente, isso pode fazer a diferença.

Resumo: apesar de voltarmos para o Z-4, os resultados da rodada foram excelentes para nós (se ainda pretendemos subir, o que eu acho que é o caso, apesar de ser difícil).

Abraço e boa semana.

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Vitória importantíssima: Portuguesa 0x1 Juventude

Como mensurar o valor da vitória de ontem, desfalcado, contra a Portuguesa cheirando a G4, fora de casa?
É difícil mensurar. Eu diria que não tem como. Foram três pontos IMPORTANTÍSSIMOS, que vieram em muito boa hora. Nos tiraram da zona de rebaixamento, levantaram a moral da Papada, e tenho certeza de que o time continuará muito motivado contra o São Caetano.

Não há como negar, o time é outro desde que Ivo Wortmann assumiu. O aproveitamento é bom, o time está jogando bem, e a raça está de volta ao Jaconi. Zezinho, o que falar dele? CRAQUE, só isso. Que gol foi aquele? Abaixo, segue a obra-prima do CRAQUE Juventudista.



Outro ponto absurdamente positivo: Papada no Canindé. Cerca de 50 torcedores que, segundo a própria narração do Sportv, não pararam de cantar um minuto. Mais um show da maior do Interior. Papos da Capital, como não poderia deixar de ser, em peso no Funilaria Bar. Churrasquinho, costela de ovelha, bom futebol, partidas de escova, cornetinha pegando, mais uma vitória do verdão.

Que noite de terça-feira. DALE PAPO!

Sábado pela manhã, os Papos da Capital estarão presentes no Estádio Cristo Rei, em São Leopoldo, para apoiar o Juventude B em amistoso contra o Aimoré, às 10h da manhã. Quem tiver interesse em nos acompanhar pode entrar em contato pelos comentários ou pelo email paposdacapital@gmail.com.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

O Velho Juventude

"Passam os anos, nada muda esse sentimento." E nem essa arbitragem. Não vou escrever muito sobre isso, porque já é passado (embora seja ainda o jogo mais recente). Mas o pênalti marcado pelo sr. Wilson Seneme é digno de revolta. E é isso o que tenho a dizer sobre o assunto. No mais, as imagens falam melhor no vídeo a seguir.

Apesar dos últimos tropeços, o Juventude vem demonstrando evolução na qualidade de seu futebol e volume de jogo. A gurizada que está entrando no time vem mostrando serviço. As vitórias estão custando a aparecer, mas com o futebol que vem sendo apresentado, creio que seja mera questão de tempo. Faltam apenas alguns ajustes, e também que a sorte mude um pouco de lado, pois não é possível que ela fique pra sempre do lado de lá.

Nesta terça-feira, temos mais um jogo muito difícil. Enfrentaremos a Portuguesa, fora de casa. Além da maratona de jogos, temos alguns desfalques para complicar a situação. Mas com o que a equipe apresentou nos dois últimos jogos fora de casa, não é nenhuma ilusão acreditar numa vitória. O Juventude voltou a impor respeito fora do Jaconi, como não se via já há algum tempo. O futebol é um esporte de imposição (física e psicológica), e o Juventude está reaprendendo isso. Deixamos de ser aquele time apático e inofensivo quando joga longe do Jaconi. Contra o América de Natal, fizemos um jogo muito parelho, com chances de gol para ambos os lados. Em nenhum momento se viu covardia ou fraqueza. Contra o Bahia, tivemos uma recaída no primeiro tempo, mas após o intervalo, voltamos a nos impor e por pouco não saímos de lá com três pontos. Portanto, por mais que os resultados tentem nos convencer do contrário, a hora é de acreditar!

A Papada de Porto Alegre, como já é de praxe, estará reunida para assistir a mais esta batalha. O local é o velho e conhecido Bar Funilaria, e todo juventudista da capital está convocado a assitir conosco!

Portuguesa vs. Juventude
Local: Estádio Canindé, São Paulo - SP
Horário: 21h

Onde assistir em Porto Alegre:
Bar Funilaria
Rua José do Patrocínio, 770 - Cidade Baixa

Texto de Tiago Dal Zotto

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Velhos tempos

15 de novembro de 1997, estádio Olímpico, Juventude 0x3 Vasco, eu tinha 12 anos. Fui ao estádio com minha mãe, ela nunca tinha ido a um estádio de futebol. Meu pai estava em Caxias, meu avô tinha falecido havia 4 dias, o Nono Molin, grande figura, morreu em casa, deitado à rede, lá pros lados de São Gotardo-Vila Seca. Estávamos na semifinal do Brasileiro, nos classificamos após um empate com o Bahia, a equipe nordestina então foi rebaixada à Série B. Não podíamos jogar no Jaconi, por causa daquelas frescuras de capacidade do estádio e tal, o público em Porto Alegre foi pouco superior a 6 mil, é, coisas de CBF. Lembro que naquela época o Edmundo era o cara, era o Animal, se não me engano se consagrando artilheiro daquele brasileiro. Perdemos por 3 gols, Edmundo fez o último, de penal, já aos 46 do 2° tempo. O Vasco ainda sairia campeão daquele Brasileiro. Meu Ju foi guerreiro, lutou como gigante, era a terceira temporada seguida na série A, e já estava lutando contra os grandes, nos dois anos seguintes, nossas glórias. Velhos tempos, bons tempos.

Na última terça-feira, fomos a Salvador jogar contra o Bahia, saímos perdendo, 2x0, numa reação digna dos velhos tempos empatamos. Sábado jogaremos contra o Vasco, no Jaconi, ingresso barato, a equipe em ascensão. Uma seqüência de jogos que mexeu com minhas lembranças. Uma vitória no sábado e os bons tempos começam a ficar possíveis, começam a ficar próximos. Papada, sábado teu lugar é no Jaconi!


Texto de Guilherme Molin

quarta-feira, 22 de julho de 2009

E o pão de queijo azedou, no final!!

O time mineiro evitou, aos 44 min. do segundo tempo, a terceira vitória seguida do JUVE. Ficou aquele gostinho amargo do "quase conseguimos", o que iria impulsionar, definitivamente, a retomada da confiança e otimismo da equipe e da papada. Nada que seja trágico, mas que podia ser melhor, isso podia. Quanto ao jogo, tive impressões boas e outras más. Achei o time um tanto sonolento, pois, logo que o Marcos Denner abriu o placar, houve uma acomodação natural. Tá aí o erro: O time devia forçar para fazer logo o segundo gol e enterrar de vez o Ipatinga. Na minha opinião, o empate do time mineiro foi justo pela atitude passiva do Juve que, no segundo tempo, atacava de forma, apenas, "burocrática". Após o gol deles, o JUVE acordou e, com o apoio das ferraduras Norte e Sul, partiu para cima. Xavier, também de cabeça, aos 42 min, fez a festa da papada. E que festa!!! delírio total... a vitória era certa... no final... beleza!!! Eu disse: "era certa", pois 2 minutos após, o Ipatinga consegue o empate, num chute espetacular, que o jogador deles (não sei o nome) nunca mais vai acertar. Frustração. Mas o time saiu aplaudido de campo. Bom sinal. Particularmente, gostei do Ivo, do Walker, do Jackson, do Mendes (embora não tenha marcado, lutou muito) e até do Juninho, goleiro, que não teve culpa nos gols. Por fim, os PAPOS DA CAPITAL botaram 15 loucos na VAN, numa viagem super divertida. Foi um marco, cuja tendência é repetir nos próximos jogos. Parabéns a toda galera do Consulado e aos amigos de Caxias que sempre nos recebem com carinho.

Texto de Roberto (Bob) Arbo

terça-feira, 21 de julho de 2009

Momento histórico: Juventude x Ipatinga

Vinte e um de julho de dois mil e nove: Mais um dia histórico para a torcida alviverde. Embalados pelas duas vitórias consecutivas do time, a Papada de Porto Alegre alcançou uma mobilização sem precedentes na história do E. C. Juventude. Pela primeira vez, uma van de doentes alviverdes subirá a serra para assistir a uma partida no Alfredo Jaconi.
Não sabemos definir exatamente o que é isso que nos leva a fazer tamanho sacrifício. Sair de Porto Alegre no horário de maior tráfego, enfrentar talvez mais de duas horas de estrada para assistir a uma partida e depois voltar de madrugada. E ainda ir trabalhar normalmente no dia seguinte! Mas sabemos que somos movidos por um sentimento. Um sentimento que faz cada um de nós contar as horas para a saída da caravana. Um sentimento que nos faz acreditar que, mesmo com o time atravessando uma fase ruim, nós podemos fazer a diferença. E não fazemos isso para sermos reconhecidos. Não esperamos por um agradecimento, nem por um cumprimento por esta atitude. Fazemos isso simplesmente porque queremos, e porque em nossas veias corre o sangue verde e branco. Sim, é difícil morar longe do Jaconi e não poder estar presente em todos os momentos. Mas se fosse pra ser fácil, não seríamos juventudistas.
Como eu disse, não esperamos que nos venham cumprimentar por este feito. Sairemos daqui em quinze pessoas, e acredito que falo por todos quando digo que a melhor recompensa que poderemos receber será fazer o percurso de volta a Porto Alegre com uma vitória na bagagem. É a eterna esperança na vitória que, apesar das circunstâncias, nos faz persistir e apoiar incondicionalmente. Esta é a RESISTÊNCIA.
E você que nos lê de Caxias, não deixe de ir ao Jaconi! Se nós podemos ir, por que você não iria?

Juventude vs. Ipatinga
Local: Estádio Alfredo Jaconi
Data: 21/07/2009
Horário: 21h

Texto de Tiago Dal Zotto

quinta-feira, 16 de julho de 2009

América-RN x Juventude

Meus prezados e insanos alvi-verdes!
Será que agora encontramos nosso rumo? Será que o Ivo conseguiu ajeitar o time, que Juninho vai manter a qualidade, que o Marcos Denner vai virar matador no Juve? Será que o nosso Juve conseguirá vencer a primeira partida sem o empurrão da sua torcida neste campeonato e embalar para que possamos, ainda que agora seja um sonho um pouco mais distante, retornar ao nosso lugar?
Você, papo que está em Caxias do Sul, não deixe de acompanhar o seu time e torcer, mesmo pela TV. Junte uma galera e invadam algum bar! Você, papo que está em Natal (será que tem algum??), vá ao estádio e empurre o time pra frente, empurre a bola do pé de Mendes pra dentro do gol com seu grito!
E você, papo da capital, que está em Porto Alegre, venha apreciar uma boa cerveja e um churrasquinho no bar Funilaria enquanto a bola rola e a corneta rola solta! Para mais informações e confirmações, envie email para crcons@gmail.com!

Evento: América-RN x Juventude
Local: Natal
Data e Horário: 18/07/2009, sábado, 21h00min

Texto de Cassio Cons

segunda-feira, 13 de julho de 2009

Juventude x Figueirense

Gurizada medonha!! Diabedo verde!!

Nosso time vem numa descendente cruel, nosso CLUBE vem numa descendente inconcebível. Daqui podemos enxergar com nitidez a água rasa do fundo do poço, enquanto agarrados no balde temerosos pelo que vem a seguir. E é por isso que, neste momento, cada um no clube tem que fazer a sua parte, e, se todos exercutarmos nossas funções com presteza, somente assim seremos capazes de interromper esta derrocada. Nós somos a TORCIDA, e devemos agora torcer como se cada jogo fosse uma final de campeonato. Perder a esperança, jamais!
Neste jogo, Ivo Wortmann chega nos trazendo a esperança de uma melhora tática na equipe. Mendes retorna de suspensão trazendo a esperança de que volte a ser o matador que nos acostumamos a ver noutros tempos. Alysson e Tiago Renz retornam trazendo a esperança de matar aquele jogo truncado numa bola parada, cobrança de falta lá da cozinha, aquele golzinho lindo de botar no replay. E Zezinho retorna trazendo a esperança de que a sua estrela que tanto brilhou na seleção brilhe agora no alvi-verde; de que possamos ver todo o talento que lhe rendeu o troféu de melhor jogador no torneio 2 de julho; de que seu grito de "É campeão" não ecoe apenas pelos recantos da Bahia, mas suba a serra gaúcha retumbando no seu manto alvi-verde!

Quem puder comparecer ao Alfredo Jaconi nesta terça-feira, o faça! Apoiemos o time, elevemos o nome do Juventude tal qual ele merece ser elevado! Incentivos da direção não faltam: neste jogo haverá preliminar timemania; quem comprar ingresso para este, ganhará o ingresso para Juventude x Ipatinga, no dia 21; haverá o sorteio de uma televisão 32" no intervalo do jogo (e no próximo também!); e ainda, será apresentada à torcida, antes do jogo, Aline, a candidata alvi-verde a rainha da Festa da Uva!


Nós, enquanto papos da capital, nos faremos presentes no estádio tanto quanto for possível, para gritar, pular e apoiar o time até o final. Aqueles que não puderem se deslocar até Caxias certamente farão um esforço para acompanhar o time no bar que é nosso parceiro de empreitadas, o Funilaria, apreciando uma ou outra cerveja, um churrasquinho, um jogo de escova e um narguilé, porque, se tudo aquilo que esperamos tomar forma, teremos muito o que comemorar.

Texto de Cassio Cons

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Análise da situação

O Juventude está preocupado com o passado e com o futuro, mas está esquecendo o presente. O passado se diz aos festejos da Copa do Brasil. O futuro se diz ao CFAC. Entretanto, não adianta virar um clube exportador de jogadores caso estejamos mal no principal campeonato nacional. Apesar do episódio dos cuspes ter sido um fato muito negativo tanto para o Esporte Clube Juventude como para a torcida, foi um grande exemplo de como a direção quer cada vez mais afastar de maneira rápida os torcedores dos jogadores, ou do campo. Em menos de uma semana, já estava colocado um acrílico com arame farpado. Cito esse fato não pelo arame, que já foi bastante discutido, ou pelo acrílico, que já estava na hora de colocar, mas sim pela velocidade. Enquanto em uma semana foi posta uma barreira de acrílico no campo, fazem mais de sete meses que não achamos um goleiro capaz de corresponder em grande nível. Como se não bastasse a difícil missão de chegar no lugar do Michel Alves, um ídolo da torcida, teria que ser barato para encaixar-se no dinheiro do clube. Só que o que ocorreu foi que o Gatti saiu muito mais caro do que um aumento salarial para o Michel Alves. Não querendo atacar uma figura especifica, mas ele é um grande exemplo dessa reformulação desastrada que fora feita no Alfredo Jaconi. A direção quer montar um time jovem, visando a base, logo entramos no mérito do início do post "pensar muito no futuro e esquecer do present". Nenhum dos jogadores deu alguma resposta positiva. Hoje, os jovens que dão gás às partidas são o Maycon (de maneira desorganizada) e o Ivo (na criação). Mas não é culpa dos jogadores, pois se não existe um grupo qualificado, não existem objetivos individuais, não existe vontade de um jogador crescer. Um fraco nível de futebol, cria um nível mais fraco ainda e esse ciclo vem acontecendo fazem alguns anos no Juventude. Começando com o rebaixamento. Podemos dizer que o Juventude foi do céu ao inferno em 10 anos. Além da ideologia de pensar no futuro, a direção se demonstra cada vez mais distante da torcida. As desculpas sempre são as mesmas. A reação tem que começar o quanto antes. Um cálculo exposto na comunidade do Juventude na internet demonstra que para fugirmos da série C, devemos fazer no mínimo 45% de aproveitamento. Isso é impossível para um time que não ganha um ponto sequer fora de casa. Talvez seja hora de abrir mão dos valores tangíveis e começar a pensar nos valores intangíveis, pois destes podemos tirar aqueles. A torcida, quando solicitada, representa e faz bonito. Talvez falte essa reciprocidade por parte da diretoria.

Texto de Felipe Bavaresco

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Campinense 1x0 Juventude

Ontem mais uma vez a papada residente em Porto Alegre se reuniu no bar Funilaria. Após alguns pequenos problemas de ordem logística no bar, conseguimos nos acomodar para assistir o jogo. Churrasco feito pela dupla Frizzo e Poletti, cerveja gelada e vinho bom, escova para animar um pouco, muita conversa jogada fora. Pra quê? Toda a nossa cacrinha foi por água abaixo. Como se não fosse esperado o JU entregar o jogo no segundo tempo.

Está cada vez mais difícil acompanhar o nosso amado clube, mas nós, os Papos de verdade, nunca desistiremos. Continuaremos nos reunindo, continuaremos torcendo, continuaremos jogando escova e bebendo. Continuaremos nos corneteando, sempre de maneira respeitável. E no próximo jogo, na cidade em que o Juventude mora, lá em cima da serra, nós estaremos. Como sempre fizemos, como sempre faremos.

Texto de Fernando "Bassa" Bassanesi

segunda-feira, 29 de junho de 2009

96 anos de glórias

O Consulado Juventudista de Porto Alegre está em festa!! Somos eternamente gratos aos 35 jovens que em 29/06/1913 fundaram o clube que hoje é nossa razão de existir. Parabéns Esporte Clube Juventude por mais este aniversário. Que estes momentos conturbados que passamos atualmente sirvam para trilhar e conduzir novamente o Juventude a seu caminho de vitórias e conquistas.
Um dos eventos preparados pelo clube para comemorar esta data se deu ontem, o almoço de comemoração aos 96 anos do Juve e 10 anos do título da Copa do Brasil foi muito emocionante. Contando com a presença de diversos jogadores e dirigentes do clube no time campeão da Copa do Brasil de 99.
O Consulado esteve representado pela Luciana, Poletti, Bavaresco e Frizzo.
Os discursos emocionados do nosso presidente Sérgio Florian (exaltando o novo CFAC) e do prefeito Juventudista de Caxias Ivo Sartori (exaltando a conquista da CB) emocionaram os presentes.
Um clube com a história e a grandeza do clube mereceram esta festa acompanhada por cerca de 800 pessoas.

O Consulado preparou uma grata surpresa, publicando um banner de parabéns no Jornal Pioneiro. MUITO massa mesmo, segue uma prévia. Parabéns ao Bassa e Lunardi por essa empreitada de sucesso.




Texto de Fernando Frizzo e Leonardo Viccari

Consulado no torneio comemorativo ao aniversário do Juventude

Neste sábado, 27 de junho, foi disputado no novo CT, o torneio comemorativo aos 96 anos do Ju. Nosso CFAC realmente é de emocionar e orgulhar qualquer juventudista.

Foram 8 equipes, divididas em duas chaves, os 2 primeiros colocados de cada chave se classificariam para as semifinais. O time dos Papos da Capital estava no grupo 1, juntamente com Brigada Militar, Conselho Deliberativo e Conselho Jovem.

O primeiro jogo, disputado sobre muita neblina, foi contra a BM. O jogo teve domínio da equipe adversária, principalmente pelo condicionamento físico (na realidade, falta de condicionamento físico do nosso time), resultado: derrota por um gol.

Na segunda partida, enfrentamos o time do CD, jogo muito parelho, saímos na frente, mas acabamos cedendo o empate no minuto final, numa bela cobrança de falta da equipe adversária, final 1x1.

Ainda com esperanças de classificação, assistimos o empate entre BM e CD, o que acabou com nossas chances de avançar no torneio. Necessitávamos de uma vitória da equipe da BM, para que jogássemos com o CJ, e levar a decisão da ultima vaga para o saldo de gols.

No ultimo jogo, apesar de as duas equipes estarem desclassificadas, aplicamos 4X0 na equipe do Conselho Jovem, o que ao menos aliviou-nos a frustração da desclassificação ainda na primeira fase.


Campanha:

Brigada Militar 1x0 Consulado de Poa.

Conselho Deliberativo 1x1 Consulado de Poa.

Conselho Jovem 0X4 Consulado de Poa.


Campeão: Conselho Deliberativo

Vice: Brigada Militar


Gols do time do Consulado:

Tiago:3

Orrico:1

Viccari:1


Parabéns a todos. Apesar dos resultados adversos, fizemos bonito no torneio de aniversário do Juventude!

Jogamos de igual para igual contra o time campeão, inclusive deixamos a vitória escapar no final do jogo, em uma falta inventada pelo "professor".
Perdemos para a BM no preparo físico, e demos show contra o Conselho Jovem.


Texto de Guilherme Molin